Buscar
  • Cláudia Andrade

O que é a Psicologia Positiva na Jean Piaget Escola Conceito?

"Ah, é o trabalho da Marise. Ela é uma pesquisadora que traz felicidade para outras pessoas. Quando alguém tem desafios, ela ajuda." Assim foi a resposta da Sophia, de 7 anos, para a minha pergunta inicial.

"Acho que é coisa boa, sobre gente." Acrescenta o Yuri, de 6 anos.

"Essa coisa positiva é para resolver problemas e todo mundo ficar bem na nossa escola. A Marise faz isso. Ela é boa nisso, na conversa." Afirma o Luiz Francisco,, de 6 anos.

"Isso é quando ajuda a resolver coisas. É para aprender a relaxar, ficar bem." Diz a Luna, de 6 anos.

"É pra ajudar a pessoa a resolver os problemas dela. Pensar positivo". Fala Marcelo, de 8 anos.

"É pra resolver problemas. E resolver bem. Tipo tratar as pessoas bem." Comenta Thaissa, de 9 anos.

"Eu acho que é tipo o trabalho que a Marise faz. "Uma "Poliana" que vê o lado bom das coisas. A Marise diz que a gente aprende mais com os erros do que com as acertadas. Precisamos prestar atenção!" Filosofa a Beatriz, de 8 anos.

"É a parte que ajuda quando a gente está confuso. E também ajuda a tia da sala quando ela não tem mais opção. Quando a tia não consegue resolver uma coisa ela chama a Marise, que ela vai lá e ajuda a resolver. Ela é a psicóloga." Colabora o Davi, de 7 anos.

"É pra gente aprender que quando uma coisa não tá bacana ela pode melhorar. É pra gente não ficar falando coisas ruins, xingar os colegas. É pra gente pensar sobre coisas boas." Diz Letícia, de 11 anos.

"Acho que é a Marise. Ela protege a nossa escola. Vigia a escola e vai em todas as salas ver se tem alguém com dificuldade. Ela conversa se está tudo bem, se foi legal a aula e faz autoavaliação." Esclarece o Heitor, de 5 anos.

"É coisa boa. É pra ajudar as crianças que têm dificuldades". Fala o Vitor, de 9 anos.

"Psicologia Positiva é o trabalho da Marise. Ela vê os sentimentos, conversa, ajuda a pensar positivo, a não pensar coisas ruins, só em coisas boas. Vê se as pessoas estão felizes. Já conversei com ela em particular. Ela me ajudou muito quando perdi minha irmãzinha. Meu pai e minha mãe também conversaram com ela.

E tem a Soninha também,, da aula de Mente Positiva. Eu adoro quando a Soninha chega na sal,, manda fechar os olhos e faz massagens no meu ombro. Uma delícia!" Conclui o Samuel, de 8 anos.

Para as nossas crianças tudo é mais simples e as respostas vêm rápido, sem titubear. Não há julgamentos, conceitos ou preconceitos. Há AÇÃO! Vivências, percepções e ações!

Assim é o trabalho da Psicologia Positiva em nossa Escola. Uma ferramenta importantíssima na formação de nossas crianças e no aprendizado contínuo para nós, adultos. A Psicologia em sua forma avançada

buscando entender cada pessoa, do jeito que ela é, com seu universo de boas possibilidades.

Através dos diálogos contínuos, das escutas, das dinâmicas nas Oficinas do Bem Estar, nas aulas de Mente Positiva, das relações honestas e respeitosas do dia a dia, vamos buscando o que há de melhor dentro de cada um de nós. E no encontro com o outro, exercitamos o entendimento sobre as diferenças e como fazer para crescer conhecendo nossas emoções e o impacto delas em nossas relações.

Pessoas Positivas são mais felizes, produzem hormônios bons, têm relacionamentos fortalecidos, desenvolvem o foco, exercem a empatia, conectam-se com propósitos, ampliam a percepção do mundo e realizam transformações do bem estar para si mesmas e para os outros que estão ao seu redor.

O lugar da Psicologia Positiva na nossa escola é o lugar do afeto, do cuidado e do compromisso acirrado em formar pessoas cada vez mais fortalecidas, amorosas e felizes.

E essa turma toda que dividiu o artigo comigo está esbanjando qualidade de vida e acertadamente com nota 10!


Grande abraço, Cláudia Andrade

abril 2019


116 visualizações

31 99966-5943 Whats app | 31 3681-3401

©2019 by Escola Jean Piaget. Proudly created with Wix.com